Experiência do Usuário (UX) — 3 Estratégias para Colocar em Prática

Experiência do Usuário (UX) — 3 Estratégias para Colocar em Prática

Compartilhe esse artigo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Com a forte presença dos consumidores nos ambientes digitais, a experiência do usuário nunca foi tão importante. Também conhecido pelo termo em inglês user experience (UX), esse conceito se refere à navegação em sites e aplicativos e visa facilitar o acesso dentro dos canais digitais, além de transmitir sentimentos positivos nos internautas.

Garantir uma boa experiência aos clientes é fundamental para o sucesso de estratégia de marketing. Afinal, toda interação que o usuário tem com a marca contribui para a percepção dele sobre a empresa. Mas, na prática, como garantir uma experiência agradável ao usuário? Descubra três estratégias no artigo!

1. Pense nos usuários

A principal forma de garantir uma boa usabilidade em plataformas digitais é praticar a empatia e se colocar no lugar do usuário. Com que facilidade a pessoa que acessa o site conseguirá concluir atividades? A navegação é rápida e eficaz? As informações estão claras?

Uma dica para compreender a satisfação dos internautas é realizar entrevistas. Você pode, por exemplo, solicitar um feedback após a compra de um produto para entender o que o cliente achou da navegação no site e se encontrou as informações que buscava.

2. Crie plataformas digitais seguindo os pilares da experiência do usuário

Alguns pilares compõem a experiência do usuário e, se seguidos corretamente, você conseguirá criar interfaces agradáveis e de fácil navegação. São eles:

  • usabilidade: refere-se a facilidade e a eficiência ao utilizar um site;
  • estética: diz respeito ao design da página;
  • fluxo de interação: são os pontos de interatividade nos sistemas digitais para otimizar a relação entre o usuário e o produto;
  • arquitetura da navegação: é a forma que as informações são organizadas no site;
  • conteúdo: informações disponíveis no site, que devam ser relevantes e úteis.

Se uma plataforma digital reunir todos esses pilares, a possibilidade de proporcionar uma experiência incrível ao usuário é muito maior. Essa estratégia também contribui para diminuir a taxa de rejeição de um site.

3. Considere a navegação para dispositivos móveis

No Brasil, o celular é a principal forma de acesso à internet. Segundo a pesquisa da Telebrasil, cerca de 97% dos brasileiros acessam à web por smartphones. Além disso, 85% dos consumidores do país compram on-line em e-commerces, segundo a Mobile Time e Opinion Box.

Por isso, desconsiderar a navegação em dispositivos móveis é um grande erro na experiência do usuário. Portanto, oferecer apps e sites com design responsivo são algumas das possíveis medidas para tornar a usabilidade das plataformas digitais da marca mais agradável.

Gostou das dicas? Não deixe de investir na experiência do usuário, pois ela interfere nas decisões de compra e no relacionamento entre marcas e clientes.

Para mais artigos como este, continue acompanhando o blog da Dashgoo.

Mais para explorar