Inbound Marketing na Prática — Tudo O Que Você Precisa Saber Sobre a Estratégia

Inbound Marketing na Prática — Tudo O Que Você Precisa Saber Sobre a Estratégia

Compartilhe esse artigo

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Podemos definir o Inbound Marketing como um conjunto de estratégias digitais que auxilia o público-alvo a chegar em uma empresa de forma mais livre. Essa tática de atração de leads já se mostrou bastante eficaz para aumentar a conversão e a fidelização de clientes. Entretanto, ainda não são todas as agências que aplicam esse método com seus clientes.

Quer aprofundar seus conhecimentos no assunto, descobrir por que utilizar essa estratégia deve fazer parte do seu pacote de serviços? Continue a leitura do artigo!

O que é Inbound Marketing?

Em uma tradução literal para o português, Inbound Marketing significa “marketing de entrada”, mas também é chamado de “marketing de atração” ou “novo marketing”.

Essa estratégia surgiu devido a necessidade de criar métodos mais atuais para vender produtos e apresentar marcas ao cliente no digital. Com a chegada da tecnologia, o comportamento de compra e venda mudou e o velho marketing, com panfletos, outdoors e anúncios televisivos, já não é mais a única forma de fazer propaganda.

Por essa razão, o Inbound Marketing concentra seus esforços para que a marca seja encontrada pelo cliente e não o contrário. Para isso, une estratégias de conteúdo que nutrem o lead dentro do funil de vendas.

Ou seja, a marca acompanha esse cliente desde o momento que ele identifica um problema ou necessidade, busca por soluções na internet, até finalmente decidir fechar a compra de um produto ou serviço.

Toda a estratégia tem como foco principal a comunicação com o cliente. Por isso, une táticas baseadas na criação e compartilhamento de conteúdos de qualidade — como artigos, e-books, infográficos, vídeos, webinars, entre outros — para impactar e captar as pessoas certas.

Além disso, outra intenção é demonstrar o valor de uma marca ao atrair o cliente, o que facilita no convencimento para a efetivação de uma compra, só que de modo muito mais natural.

Isso é possível por meio do Marketing de Conteúdo, que permite que a marca mostre que compreende as necessidades do possível lead, apresente soluções para ele e, enfim, encante-o.

Como funciona o Inbound Marketing na prática?

Primeiro, vale deixar claro que o objetivo central do Inbound Marketing é atrair e conquistar o público-alvo. Para isso, as estratégias seguem as seguintes fases:

  1. definição de persona, isto é, público-alvo;
  2. criação de conteúdo de valor;
  3. atração de visitantes;
  4. conversão de visitantes em leads qualificado;
  5. transformação de leads em clientes;
  6. fidelização de clientes.

Agora que já entende o conceito do Inbound Marketing, vamos exemplificar como tudo isso funciona na prática, passo a passo!

1. Definindo a persona

Como vimos, a primeira etapa é definir a persona, ou seja, o público-alvo ideal do seu negócio. Nessa estratégia, todos os esforços são direcionados para atrair os leads certos, aqueles que realmente estão interessados nos serviços da marca.

2. Criando conteúdo de valor

O próximo passo é criar conteúdos de qualidade e alinhados com o interesse do público e publicá-los no lugar certo para ganhar a atenção dos possíveis clientes em potencial. Quanto mais relevante e de maior qualidade for o conteúdo, mais potenciais clientes chegarão ao produto ou serviço.

Nessa etapa, a criação de conteúdo deve ser feita com base na jornada do cliente no funil de vendas:

  • topo: tem um problema a ser resolvido, o lead está pronto para descobrir um produto, marca ou solução;
  • meio: compreendeu o problema e busca formas para resolvê-lo, começa a desenvolver interesse crescente pelo produto;
  • fundo: pronto para tomar a decisão de compra.

3. Atraindo visitantes

Já para a atração, usa-se buscadores, como o Google, aliado às técnicas de SEO (Search Engine Optimization) ou mídias sociais para levar conteúdo até o cliente.

Lembre-se que atualmente a grande maioria dos consumidores fazem buscas na internet antes de comprar. Por isso, toda empresa deve marcar presença digital para ser encontrada por seus possíveis clientes.

4. Convertendo visitantes em leads

Não basta gerar mais tráfego para os canais da marca, também é preciso despertar a curiosidade dos visitantes para transformá-los em leads. Por isso, ofereça informações relevantes após o preenchimento de um formulário de cadastro. Para isso, aposte em landing pages, e-books, infográficos, vídeos e webinars.

5. De leads a clientes

Agora é hora de nutrir os leads com conteúdos de qualidade que visam educar sobre produtos e serviços. Para isso, ofereça informação de acordo com a etapa de jornada do lead por meio de e-mails personalizados.

6. De clientes a promotores da marca

A estratégia não finaliza após a efetivação da compra. É preciso encantar os clientes para que eles continuem comprando até se tornem promotores da marca. Para isso, encaminhe newsletter, crie programas de fidelidade e ofereça descontos em períodos específicos.

Resumindo, o Inbound Marketing é importante para atrair mais clientes e transformá-los em promotores de uma marca. Por ser uma estratégia adaptada às situações atuais do mercado e aos novos hábitos de consumo, é fundamental estar no pacote de serviços de qualquer agência.

Gostou do artigo? Para conferir mais conteúdos sobre Marketing Digital, continue acompanhando o blog da Dashgoo. ?

Você perde muito tempo com relatórios e planilhas?

Gere relatórios de marketing digital 100% personalizados em segundos, não horas!

Experimente gratuitamente por 14 dias sem compromisso e sem surpresas.
teste grátis

Mais para explorar